playlist

Camiñito - text

Hoje eu vivo de coisas vulgares
De carros velozes, de vinho e champanhe
Sem saber o que hoje fazer
Sem saber onde ir amanhã

Uma casa alugada em desordem
Na sala um retrato querendo falar
Na parede uma sombra ficou
A minha vida em sombras está

Desde que se foi
Triste vivo eu
Caminhando incerto
Nosso amor morreu
Desde que se foi
Nunca mais voltou
Siga o seu caminho
Meu amor, adeus

Quem me dera voltar ao passado
Trazer as lembranças que a vida marcou
As conversas de amor de nós dois
Nossos planos que o tempo apagou

Hoje eu vivo de coisas vulgares
De amores inúteis, tão fáceis de amar
Sou um mendigo de um sonho banal
Um perdido que quer te encontrar

Desde que se foi
Triste vivo eu
Caminhando incerto
Nosso amor morreu
Desde que se foi
Nunca mais voltou
Siga o seu caminho
Meu amor, adeus.

Text přidala Michelete

Video přidala Michelete

Tento web používá k poskytování služeb, personalizaci reklam a analýze návštěvnosti soubory cookie. Používáním tohoto webu s tím souhlasíte. Další informace.